Missão

A Cia de Artes Balú nasceu no movimento cultural "Mão pra bolo e Cia" em Carapicuíba no ano de 1999. O principal objetivo é difundir a arte dramática e uni-la a toda e qualquer forma de expressão artística, seja a música, o circo, as artes - plásticas, a dança, a capoeira, a arte marcial, visa também a inclusão social através da arte em geral  transformando e conscientizando a sociedade, no sentido político-cultural, através de seus eventos, projetos e apresentações, tais como os que já realizamos. 

Desde seu surgimento até os dias atuais a Cia Teatral Balú  trabalha as artes dramáticas desenvolvida pelo voluntariado. Não visamos fins lucrativos, mas necessitamos de meios, espaço físico, para que nos firmemos e nossos objetivos sejam alcançados e perdurados.

Sobre o nome Balú é um homenagem feita in memorian a um dos nossos amigos, vítima da violência urbana. Indignados com esta infeliz realidade, nos tornamos verdadeiros “guerreiros e guerreiras”na luta pela conquista de nossos direitos à cultura e ao lazer. Trabalhando além da artes cênicas toda arte que possa somar e enriquecer o trabalho artístico e sócio-cultural citado acima.

 

Sobre a 1ª Performance Teatral  “O Tecnovírus Musical”

 Desde sua criação a Cia de Artes Balú tem apresentado a performance "O Tecnovírusmusical" , sendo o carro-chefe de suas atividades, em diversos eventos, unindo teatro, música e circo num texto escrito pôr Renato Ferreira (Catraca), teatralizado pela atriz circense  Fabiana Mina, e encenado  pela artesã e atriz Lígia Maria, o mendigo e a louca.

Trata-se da exploração humana, do avanço tecnológico ao mesmo passo das injustiças e ambições sofridas pela grande massa. E em contrapartida o vírus do conhecimento e da verdade, ativados a partir do mais simples gesto de amor e arte.

Fabiana Mina e Ligia Maria na performance "O Tecnovírus Musical" - 2001.Fabiana Mina e Ligia Maria na performance "O Tecnovírus Musical" - 2001.

Fabiana Mina e Ligia Maria na performance "O Tecnovírus Musical" - 2001.

Sobre a Oficina de Montagem Teatral.

            Em março de 2004 a Cia de Artes Balú deu início a sua 1ª Oficina de montagem Teatral, coordenada pela atriz circense Fabiana Mina e Lígia Maria, atriz, artesã e instrutora de capoeira. Utilizamos após comum acordo feito  entre nós e a diretoria da Comunidade Kolping São Paulo Apóstolos Cohab II, Carapicuíba / SP, o salão da mesma para realizarmos nossos ensaios, sarau e apresentação da peça Homens de Papel, resultado final da oficina. Esta chegou a somar 25 oficineiros com faixa etária de 12 a 65 anos, que levaram consigo conhecimentos da arte cênica como: função do ator, diferença entre interpretar e representar, gêneros teatrais, texto e interpretação, signo, palavra, tom, figurino, gesto, improvisação, maquiagem, acessórios, música e sonoplastia, cenário, nascimento do teatro, teatro no mundo e teatro brasileiro. Aos três meses finais contávamos com 15 oficineiros e iniciamos a partir daí o processo de montagem da peça Homens de Papel, de Plínio Marcos, apresentada dias 15, 16 e 18 de dezembro de 2004.

Sobre a Peça "Homens de Papel"e o autor Plinio Marcos

A peça retrata a rotina de um grupo de catadores de papel, que revoltados com a exploração do comprador capitalista, resolvem paralisar a coleta. Em meio à este cenário, chega um casal de nordestinos e sua filha doente, vêem em busca de dinheiro e médico para tratar da doença da menina ( ataques epilépticos). Fora da realidade do grupo os novos catadores não concordam com a paralisação, e a partir deste conflito é que são desencadeados acontecimentos trágicos e reais, típicos da dramaturgia escrita pôr Plínio. 
Plínio Marcos o “dramaturgo maldito”, era como o chamavam, pois seus textos relatavam a nua e crua realidade política e social da época (não muito diferente dos dias atuais), vivida pôr prostitutas, bandidos, mendigos, ou seja, a parte que o sistema e a sociedade julgam PODRE. Autor de contos, novelas, romances, e mais de 40 peças teatrais. Plínio usava uma linguagem popular e cheia de gírias e 

palavrões, assim como ocorre no cotidiano da maioria dessas pessoas. Iniciou sua carreira como palhaço de circo, e trabalhou durante muito tempo como camelô no centro de São Paulo vendendo seus livros.
Veio a falecer em 1999 aos 64 anos, com 42 anos de carreira, em virtude de falência múltipla de órgãos. Ainda hoje, Plínio é considerado um dos maiores dramaturgos brasileiro, e deixa claro que “a arte existe para servir o público e não o autor.”
Ficha Técnica: Realizada pôr todos os alunos da 1ª Oficina de Montagem Teatral no ano de 2004.

Sobre a Performance: O JOGO DA VIDA

Mais uma vez num trabalho de união das culturas teatralizamos o poema de Edson Robson, advogado, poeta e Prof. de capoeira, publicado na 4ª edição do livro Cadernos Negros. A apresentação da  performance, que tem o mesmo nome do poema, “O jogo da Vida”, foi em março/2004 na roda de capoeira do grupo Ilê Camaleão, que acontece na última sexta-feira de cada mês no Centro Comunitário Cohab II, sede do grupo dirigido por Mestre Adilson e Mestre Robson. 
“O texto faz um paralelo entre o jogo de capoeira e seus fundamentos, a crença nos Orixás, e a luta do dia-a-dia do negro escravo e sua libertação.”Representado por Fabiana Mina, no personagem de tribal guerreiro(a) onde sua arma de combate era o fogo (swyng de fogo), Lígia Maria, outro(a) guerreiro(a) e  Vanessinha na intervenção como capoeirista, acompanhadas por Everaldo, no berimbau e Mestre Robson, no atabaque.    
 Realizada por alunos da 3ªoficina de Iniciação Teatral.

Locais onde a Cia de Artes Balú mostrou o seu trabalho:

  • Festa Rock n Roll Osasco / SP
    Número circense de Bastões Pirofágicos  e Frutas flambadas;
  • Bar e Restaurante Chega Mais Carapicuíba / SP
    Participação: Maurício (Grupo Ponto Negro) percussão ;
  • 1º Grito da Periferia Escola Estadual Castelão Carapicuíba / SP
    Participação: Ana Rita maquiagem e caracterização;
  • Faculdade Oswaldo Cruz na Semana de Letras São Paulo / SP;
  • 3º Grito da Periferia Escola Estadual São Daniel Carapicuíba / SP;
  • Sesc Pompéia no Lançamento da revista Trokaoslixo São Paulo / SP
    Número circense de Bastões Pirofágicos;
  • Sarau Cooperifa - Z/S São Paulo;
  • Sarau Arte Poesia (CIA DE ARTES BALÚ) Carapicuíba / SP;
  • Sarau Cultura na Vila (MOVIMENTO TROKAOSLIXO) Osasco / SP;
  • Sarau do Espaço Cultural Quintal Camaleão com Teatro e Circo Carapicuíba SP;
  • Aulas de Pirofagia no Espaço Cultural Quintal Camaleão;
  • Sábados Culturais do Prestes Vestibular com Teatro e leituras Dramáticas;
  • Integrantes do Movimento sócio cultural  Mão Pra bolo e Cia , participando ativamente de todos os seus Eventos. Carapicuíba SP;
  • Mostra de teatro no Espaço Cultural Quintal Camaleão Carapicuíba - SP;
  • Oficinas de Iniciação Teatral Centro unificado de Lutas e Artes Carapicuíba SP;
  • Oficinas de Pirofagia Centro unificado de Lutas e Artes Carapicuíba - SP;
  • Oficinas de Montagem Teatral Centro unificado de lutas e Artes Carapicuíba SP;
  • Oficina de Iniciação Teatral com a Apresentação "Encenando Literatura Marginal"- Centro Unificado de Lutas e Artes -Carapicuíba - SP;
  • Apresentação de Pirofagia Em Eventos no Quintal Camaleão.

2008 e 2009

  • Apresentação da Peça O Vôo das Borboletas: Toca da Baleia Club - Carapicuíba com quatro apresentações em Junho de 2008; Cursinho Prestes Vestibular Carapicuíba - Quatro apresentações em Julho de 2008; Projeto Cultural Quintal Camaleão - Três apresentações em Setembro de 2008 e Escola de Artes de Osasco - Duas apresentações no final do mês de Novembro de 2008.
  • Sarau arte, música e poesia no Arena Cultural Carapicuíba , iniciado projeto em Novembro de 2008, realizadotodo segundo domingo do mês das 18h30min às 22h30min até o mês de Novembro de 2009.
    Endereço Arena Cultural: Rua Antônio Roberto, 218 - Centro - Carapicuíba.
  • Apresentação de performance teatral com a banda Efeito Moral na Livraria da Esquina (Fevereiro de 2009) - Barra Funda - SP.
  • Reestréia da Peça "O vôo das borboletas" com Pauline Telatin no elenco, teatro Jorge Amado - Centro de Carapicuíba( Junho de 2009);
  • Evento "Rock pela Paz" em 19/07 na Aldeia de Carapicuíba com a peça "O vôo das borboletas", performances teatrais "Tecnovirus" e "Violência Não" e pirofagia com a banda SHAPIROS.
  • Participação na VIII Conferência do CMDCA de Carapicuíba na Faculdade Nossa Cidade no dia 25/07 com as performances "Resto do Mundo" com Emerson Barros e "Técnovirus Musical" com Fabiana Mina e Thais Ramos.
  • Participação no evento "Cultura Maldita" com performance teatral "O Tecnovírus Musical", número de lira, dança flamenca e pirofagia. Realizado dia 20/09/09 na Ong República Cultural em Osasco.
    • Participação com intervenção teatral e grupo de rap "Efeito Moral" no evento beneficente "Cultura Na Vila" no bairro do Bela Vista em Osasco, dia 13/12/09.

    2010

    • Evento: 2º Encontro de Mulheres de Moto Clubes e Moto Girls de Osasco e região no Delta Osasco, com apresentação de teatro, circo (lira e pirofagia) e dança flamenca no dia 07/03/10.
    • 1º Sarau Itinerante Arte*Poesia realizado NoPosto Bar em Carapicuíba no dia 27/03/10.
    • Participação no espetáculo "O Drama da Paixão de Cristo" nos dias 01 e 02 de Abril de 2010, no teatro arena da Aldeia de Carapicuíba.
    • Participação na Ação Social da ACM de Carapicuíba com apresentação de teatro, circo e dança flamenca em 10/04/10
    • Realização do evento beneficiente "Pro Dia Nascer Feliz" rock n´roll no combate do HIV na Ong República Cultural, intervenções com música, dança flamenca, teatro e circo. Dia 11 de Abril de 2010.
    • 2º Sarau Itinerante Arte*Poesia na Praça da Aldeia de Carapicuíba no dia 27/04/10.
    • 3º Sarau Itinerante Arte*Poesia no Centro Social Urbano (CSU), situado na Rua Lizarda, 06 – Ariston II – Carapicuíba em 30/05/10
    • Participação com performance teatral, performance circense, canto e dança flamenca na Madrugada Cultural de Osasco em 05/06/10.
    • 4º Sarau Itinerante Arte*Poesia no Ponto Zero, situado na Rua Niterói, 01 – Cohab 2 em 26/06/10.
    •  Homenagem aos grupos Núcleo Expressão(Osasco) e Cia de Artes Balú(Carapicuíba) no Sarau da Educação de Osasco 17/07/10 .
    • Segundo Rock pela Paz no teatro Arena de Carapicuíba em 24 e 25 de Julho de 2010.
    • Participação do evento de reinauguração do CSU - Centro Social Urbano - Ariston, com número circense de lira, teatro e dança flamenca(Agosto de 2010).
    • 5º Sarau Itinerante Arte*Poesia no Circuito Bar, situado na Rua Antônio Roberto, 218 – Centro em 29/08/10.
    • 6º Sarau Itinerante Arte*Poesia no Instituto Casa da Gente, situado na Av. São Paulo Apóstolo, 250 - Cohab II - Carapicuiba, no dia 26 de Setembro de 2010.
    • Participação no FESTICAR no teatro Jorge Amado com a peça teatral "O Vôo das Borboletas" no dia 28 de Outubro de 2010.
    • 7º Sarau Itinerante Arte*Poesia na Casa de Cultura, situada na Praça da Aldeia de Carapicuíba em 31 de Outubro de 2010.
    • 2011
    • Participação do Evento em pról das mulheres com a ong República Cultural de Palmares na cidade Ibiuna em 13/03/2011, número de palhaços com Emerson Barros e Thais Ramos, apresentação teatral e circense (lira) com Fabiana Mina e dança flamenca com Thais Ramos.
    • Sarau Arte*Poesia na colônia de férias do Sindicato Sintaema na cidade de Nazaré Paulista em 03/04/2011. (música: violão e voz - Thiago Ramos e Silvio, teatro e voz - Ligia Maria, Antônio Arruda e Klézio Soares, dança contemporânea - Catia Codeceira, dança flamenca e teatro - Thais Ramos, atração circense e teatral - Fabiana Mina).
    • Drama da Paixão de Cristo (equipe de apoio e atuação) no teatro Arena da Aldeia de Carapicuíba nos dias 21 e 22 de Abril de 2011 .